Na app poderás ver muito mais, e bem mais rápido
Download
Aonde queres ir?
Gostas de Swakopmund ?
Partilha com todo mundo
Entrar com Google +

O que visitar em Swakopmund

46 colaboradores

18 lugares que ver em Swakopmund

Aldeias en Swakopmund
Swakopmund
(1)
Swakopmund é cerca de 4 horas de Windhoek, capital da Namíbia. Lá, ele viaja a linha de ônibus Intercape, ou se você preferir, pode chegar em vans ou até mesmo por trem.As pessoas são muito simpáticas. Foi fundada pelos alemães e ainda mantém sua arquitetura colonial alemão. As ruas são limpos e bem conservados, eles também têm um cheiro delicioso de salsichas (sem brincadeira). Surpreendentemente, um pouco, o fato de que é ainda falam alemão lá.É na costa, com o mar de um lado e o deserto do outro. Eu fui em abril e estava frio.É um bom lugar para praticar atividades como o sandboard. Também é possível encontrar Himba na área e está perto de Costa do esqueleto, assim você pode organizar sua viagem de lá.
Reservas Naturais en Swakopmund
Costa dos Esqueletos
(1)
Encontro do mar e o deserto. Incrível.
Escalada en Swakopmund
Spitzkoppe
Um dos relevos mais exóticos que vi na Namíbia. Essas montanhas de granito formam uma magnifica paisagem rochosa onde se pode explorar à pé grande parte da reserva e ter distintos pontos de vista sobre a savana africana.
De interesse desportivo en Swakopmund
(1)
Reservas Naturais en Swakopmund
Parque Nacional Dorob
(1)
O Dorob National Park fica na costa da Namibia e vai do Kuiseb Delta até o rio Ugab, na divisa com o Skeleton Coast National Park. O Parque engloba alguns dos pontos mais turísticos do país, como as dunas de Sandwich Harbour, o estuário de Walvis Bay, a cidade alemã de Swakopmund, a maior colônia de lobos-marinhos da Africa em Cape Cross Seal Reserve e a inóspita cratera do Messum em Damaraland. O Dorob National Park é o Parque mais "aberto" da Namibia, pois não há necessidade de pagar para entrar nele, basta dirigir na C34 e pronto! A paisagem é basicamente desértica, com dunas de areia em algumas regiões. No entanto, é totalmente proibido sair das estradas demarcadas para fazer 4x4 por si só. Algumas atividades que, na minha opinião, são primordiais : Em Walvis Bay: flamingos na Lagoon Promenade, cruzeiro de catamarã, excursão 4x4 em Sandwich Harbour. Em Swakopmund: visita da cidade. No norte: A fedorenta Cape Cross Seal Reserve e Zeila Wreck, um navio naufragado que continua ali costa namibiana. No interior: Passeio para ver a cratera do Messum e as Welwitschia mirabilis, plantas milenares endêmicas do deserto do Namibe.
Sítios insólitos en Swakopmund
(2)
Reservas Naturais en Swakopmund
Khowarib Canyon
(1)
Depois de nos refrescarmos nas águas termais de Warmquelle continuamos nossa estrada em direção ao sul. Paramos no Khowarib Lodge para almoçarmos um sanduíche e seguimos até o cânion do rio Khowarib, que fica a poucos quilômetros do Lodge. A paisagem é linda e tudo estava bastante verde pois era o final da época das chuvas. Estacionamos o carro perto do cânion e exploramos um pouco o rio Khowarib à pé. Havia um pouco de água que corria pelo rio, o que é raro na Namibia! O cânion do rio Khowarib não é nada comparado ao Fish River Canyon, mas tem uma beleza diferente. Ali na areia haviam pegadas dos famosos elefantes do deserto, e nas árvores pudemos ver vários Rüppell's parrots. Estes são papagaios cinzas com manchas amareladas, que são endêmicos desta região e do sul da Angola. O cânion pode ser visitado de graça, e existem percursos 4x4 ao longo dele que te levam até pequenas cascadas no rio Khowarib. As coordenadas GPS do Cânion Khowarib são : -19.266977, 13.891140 ( Google Maps ).
Desertos en Swakopmund
(1)
Portos en Swakopmund
Ponte Jetty
Outro ponto à ser visitado em Swakopmund é o antigo Jetty, que originalmente havia sido construído pelos alemães no inicio do século XX. A estrutura era de madeira e acabou sofrendo rapidamente com a corrosão causada pelos moluscos. Em 1912 um trabalho de restauração do Jetty foi iminente, e sua estrutura foi trocada por ferro. O plano inicial era de fazer um Jetty de 640 metros de comprimento, mas somente 242 metros foram construídos até o inicio da 1° Guerra Mundial, quando a construção parou completamente. Hoje em dia o Jetty abriga um excelente restaurante, o "Jetty 1905". Além disso, o local pode ser acessado gratuitamente por todos que querem ter uma bela vista panorâmica da costa de Swakopmund. O Jetty fica na A.Schad Promenade, em frente à Libertina Amathila Ave.
De interesse turístico en Swakopmund
Praias en Swakopmund
Zeila Wreck
(1)
A costa namibiana é famosa pelos naufrágios de grandes navios que aconteceram aqui. Até hoje várias carcaças de navios podem ser vista ao longo da costa mas muitas só podem ser acessadas por excursões em carro 4x4 ou avistados do céu em vôos panorâmicos. O Zeila Wreck no entanto é de fácil acesso, e se você vai de Swakopmund em direção norte pela C34 você cruzará uma placa indicando o navio que naufragou ali no ano de 2008. Não é preciso pagar nada e o local possui um pequeno estacionamento na beira da praia, pois é também um lugar muito frequentado por pescadores. É um bom local para fazer uma pausa se você estiver indo para Cape Cross ver a maior colônia de lobos-marinhos da África! Traga seu picnic e aproveite a vista!
Praias en Swakopmund
Praia de Swakopmund
As praias não são o que atraem os turistas para a Namibia, isto é um fato. Uma corrente de água fria que abrange toda a costa do país é o motivo pelo qual o litoral namibiano é um deserto, pois não há água suficiente que é vaporada para formar nuvens de chuva. Mas isso também faz com que a Namibia tenha um litoral único e praticamente selvagem! Sabendo disto, praia é praia! E nos dias quentes e ensolarados (o que é raro em Swakopmund), a população encara a água refrescante para se banhar no mar. Essa praia é pública, e fica em frente do Waterfront. O lugar é onde as ondas são mais tranquilas para banho. Vários restaurantes, cafés e boutiques estão localizados em torno dessa simpática orla.
Mercados en Swakopmund
Hawkers Craft Market
Um dos melhores lugares na Namibia para comprar o artesanato de madeira tipicamente africano é o Hawkers Craft Market, em Swakopmund. Aqui você encontra uma enorme diversidade de objetos e os preços são mais baratos do que no Craft Centre de Windhoek. Claro, é preciso negociar! Nunca compre algo pelo primeiro preço que os vendedores lhe dizem pois eles tendem a colocar um valor bastante elevado no inicio. Os vendedores são gentis, e estão acostumado à negociar o preço, por isso não há razão para constrangimento. O mercado de artesanato é uma boa parada depois de passear pela orla, ou depois de comer algo nos restaurantes próximos à praia. Ele fica perto do museu de Swakopmund, entre as Strand Street e a A.Schad Promenade, e está aberto todos os dias.
Praças en Swakopmund
Ankerplatz
Descobrimos essa charmosa praça por acaso, quando avistamos várias pessoas tomando sorvetes e fomos à procura da sorveteria de onde eles vinham. Risos... A Ankerplatz é uma pequena praça cheia de cores no centro de Swakopmund. Ali há várias boutiques de souvenires e artesanato muito originais. E também é ali que fica uma das poucas sorveterias da cidade, então se a vontade de tomar um sorvete bater, é na Ankerplatz que você deve ir! Além disso, a praça também dá acesso à Woermann Haus e à torre Nama, dois pontos turísticos à serem visitados em Swakopmund. Você pode acessá-la pela Sam Nujoma Avenue, pela Bismarck Street ou pelo centro comercial de Woermann Brock.
Ruas en Swakopmund
Brauhaus Arcade
Demorou, mas finalmente consegui encontrar o nome dessa simpática rua exclusiva para pedestres no centro de Swakopmund: Brauhaus Arcade. A rua não possui uma placa com seu nome escrito (pelo menos eu não encontrei), e as informações na internet são muito imprecisas. Ela pode ser acessada pela Sam Nujoma Ave, Hendrik Witbooi Str. ou pela Tobias Hainyeko Str. Vale a pena passear por essa tranquila rua onde há restaurantes, várias lojas de souvenires e uma excelente livraria. Tudo feito em bonitas construções coloridas que dão o charme do lugar. Durante o verão, a grande maioria das famílias de namibianos descendentes de afrikaners e de alemães, vêm para Swakopmund passar as férias. É nessa temporada que a cidade fica mais movimentada, e é muito mais simpática de ser visitada do que quando a cidade está deserta, nos outros meses do ano.
De interesse cultural en Swakopmund
Woermannhaus
Após visitarmos a Ankertplatz para tomar um sorvete e ver as boutiques de souvenir, avistamos essa bonita construção de arquitetura alemã com sua grande torre que paira sobre a praça. Trata-se da Woermannhaus, um edifício construído no inicio do século XX que vigiava o mar de um lado, e o deserto do outro. Depois disso, o local já abrigou um dormitório escolar e um até um hostel. Hoje em dia no entanto, a Woermannhaus é uma biblioteca pública e também uma galeria de arte que podem ser visitados pelos turistas. A torre Damara também pode ser acessada pelos que querem ter uma vista panorâmica da cidade. A Woermannhaus fica na Bismarck Street, quase na esquina com a Sam Nujoma Ave.
Ruas en Swakopmund
Beira-mar de Swakopmund
Eu conheci a cidade de Swakopmund em setembro de 2014. Passei mais de um ano sem voltar ao local, e que grande surpresa! O que eles chamam por aqui de "Waterfront" foi totalmente renovado, e se tornou em um dos lugares mais agradáveis da cidade, na minha opinião. Vez ou outra o lugar me fez pensar no "Victoria & Alfred Waterfront", na Cidade do Cabo, por sua simplista modernidade. Várias lojas, cafés e restaurantes estão instaladas ali. O Museu de Swakopmund fica logo ao lado, assim como uma das praias mais tranquilas para banho. Os hospedes do luxuoso hotel "Strand Hotel Swakopmund" ficam à um passo do Waterfront. O local pode ser acessado à pé à partir do centro da cidade, aproveitando o passeio para comprar objetos de artesanato no Hawkers Craft Market, que fica à apenas alguns metros dali.
Ruas en Swakopmund
Beco de artistas
Caminhando pelo centro de Swakopmund, descobrimos esse pequeno beco onde artistas locais se instalaram e embelezaram o lugar com pinturas e grafitis nas paredes. Ali mesmo, eles montaram pequenos stands para exibir seus quadros, telas, pinturas e pequenos objetos feitos em fios de metal e pequenas bolinhas que não sei como chamam (risos). O que mais me chamou a atenção, no entanto, foram os carrinhos de madeira feitos por um jovem rapaz. Os detalhes eram super legais! As portas se abriam, as rodas giravam e tudo mais... tenho certeza que qualquer criança adoraria ter um desses! O beco faz esquina com a rua Tobias Hainyeko, e fica logo em frente ao Bauhaus Arcade. No final do beco, bem escondido, tem um pequeno café chamado "Garden Café". Não tomamos nem comemos nada ali pois ainda era cedo para isto, mas o local era bem agradável!