Na app poderás ver muito mais, e bem mais rápido
Download
Aonde queres ir?
Gostas de Sukhothai ?
Partilha com todo mundo
Entrar com Google +

O que visitar em Sukhothai

81 colaboradores
Destinos mais populares
Templos en Sukhothai
Wat Si Chum
(7)
Templos en Sukhothai
Wat Mahathat
(1)
Templos en Sukhothai
Wat Sa Si
(1)
Templos en Sukhothai
Wat Trapang Ngoen
Templos en Sukhothai
Wat Sri Sawai
Templos en Sukhothai
THA Pa Daeng Shrine
Templos en Sukhothai
Wat Sorasak
Templos en Sukhothai
Wat Phra Pai Luang
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai
(1)
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai

30 lugares que ver em Sukhothai

Templos en Sukhothai
Wat Si Chum
(7)
Depois de uma longa viagem de trem, ficamos em Sukhothai, antiga capital da Tailândia, o chamado reino de Sukothai, "Nascimento da felicidade." Para expressar o que você sente quando chega ao Wat Si Chum, precisaria de muitas palavras, que, basicamente, não chegaria a transmitir o que se sente. É um Buda gigante esculpida em uma só peça dentro do templo, de imensa beleza.
Cidades en Sukhothai
Sukhothai
(2)
Talvez um dos lugares mais bonitos e interessantes na Tailândia, é visita mais que obrigatória no país asiático. Devido ao seu enorme tamanho, acho que a melhor forma de visitar é de bicicleta. Você não tem que se preocupar porque o esforço, falo para os preguiçosos, é mínimo por ser completamente plano. É impressionante a beleza da primeira capital do país, uma sucessão de pequenos lagos e tanques, estátuas de Buda em todos os lugares, templos.... Qualquer canto é digno de uma foto da nossa câmera, já que a luz inunda tudo e nos convida a curtir a visita.
Templos en Sukhothai
Wat Mahathat
(1)
Localizado no centro histórico de Sukhothai, dentro das paredes encontramos o maior templo e mais importante de Sukhothai. Ele está situado dentro do recinto do Palácio Real e está rodeado por lagos, cobrindo uma grande área. A influência Khmer é evidente nesta construção, onde você vai encontrar inúmeras Chedi, figuras de animais e budas de 8 metros de altura. Como na maioria dos grandes templos da Tailândia, este serviu para abrigar as cinzas da realeza há muito tempo. É impressionante ver que as colunas ainda estão de pé e a grande quantidade de vegetação que rodeia este lugar. Os quatro prang vermelhos que você pode ver nesse lugar, assinalam os quatro pontos cardeais. Mostram mapas da reconstrução que está em processo e o aspecto que vai ter uma vez finalizado. Apesar disso é possível ver o esplendor dessa cidade antiga que foi a capital do reino da Tailândia. Está aberto odos os dias, das 8h30 às 16h30. Para entrar a esse lugar que receber o Wat Mahatat, você deverá pagar 40 baths (não chega a 1 euro).
Jardins en Sukhothai
Parque histórico
(1)
A grande quantidade de ruínas e como estão bem cuidadas convertem essa pequena cidade em um dos lugares imprescindíveis de visitar se você viaja à Tailândia. A “nova” Sukhotai é uma cidade pequena, desorganizada e sem nenhuma atração, mas a “velha” Sukhotai, situada a uns quilômetros da anterior, congrega um complexo histórico com uma grande quantidade de ruínas com um estado de conservação impecável, fáceis de visitar em um ou dois dias. Para chegar à velha Sukhotai, devemos pegar um tuk-tuk ou, muito mais recomendável e econômico um táxi-furgão de linha (a diferença de preço vai dos 100 a 150 bats por pessoa nos tuk-tuk, e entre 30 e 40 bats fixos nesses táxis...). Uma vez no parque histórico, é recomendável alugar uma bicicleta (um dia inteiro são 30-40 bats) que facilitam a visitação das quatro zonas, deixando o percurso mais interessante. Ao entrar no parque é necessário pagar a entrada para todas as zonas que desejam visitar. Minha recomendação é que você pague pela zona central e a zona onde está Wat Chum, já que as demais zonas são menos atrativas e normalmente estão abertas a partir das 17h. (Hora em que, teoricamente, o parque fecha), não encontrará nenhuma oposição para visitar os monumentos (ou somente uma corrente fácil de pular) e economizará um pouco de dinheiro... Dentro do parque, a zona central e principalmente o Wat Chum são imprescindíveis... a beleza das ruínas e o excelente estado de conservação dão uma ideia mais que suficiente da vida na antiga civilização tailandesa, e, além disso, permite observar paisagens e lugares incríveis. Sem dúvida, recomendo mais a visita de Skhotai e não Ayutthaya, mesmo que essa última seja mais renomada.
Templos en Sukhothai
Wat Sa Si
(1)
Saudações! Um dos templos que encontramos no parque histórico, com uma localização imbatível é o Wat Si Sa. Está rodeado por um imenso lago que é acessado através de uma ponte, como se fosse uma pequena ilha. Uma vez lá dentro tem um lago interior e tudo acompanhado pelo belo verde da vegetação da área, tornando-o um templo especial. É só atravessar uma ponte e já encontramos a imagem de um Buda de pé, simulando a atitude caminhar. Este tipo de Buda é da época de Sukhothai. Na verdade, não é muito comum ver esse tipo de imagens totalmente diferentes das imagens mais conhecidas de Buda. É uma escultura feita de estuque e é conhecida como "o Buda de pé", simbolizando a proteção e a liberação do medo. Ele está localizado ao norte de Wat Mahathat e é um dos mais importantes de todo o parque que é conhecido como o Mosteiro do Lago Sagrado. Nele você vai encontrar estupas e uma figura de Buda que antecede uma delas, com um tamanho considerável. É uma das áreas mais tranquilas, como eu disse antes, pelo o ambiente. E para mim é um dos lugares mais recomendados dentro do Parque. Deixo alumas fotos.
Monumentos Históricos en Sukhothai
Monument to King Ramkhamhaeng
Saudações viajantes. A antiga cidade de Sukhothai tem a sua origem em torno ao ano 1238, sendo a primeira capital do Reino da Tailândia, e hoje é considerado um dos lugares mais interessantes de todo o país. O encarregado de levantar esta magnífica cidade foi o Rei Ramkhamhaeng que transformou esta cidade num lugar próspero, cultural e militar de acordo sua economía. Ele abriu relações diplomáticas com a China. Ele foi o inventor do alfabeto tambén thai, fez leis civís e também como o livre mercado e também promoveu a religião budista neste país. Seu reinado foi desde o século XIII ao XIV, momento no qual a capital do reino deixou de ter o esplendor dos primeiros dias. Apenas a 200 metros da entrada principal, ao longo da avenida que leva ao Wat Mahathat, à mão direita, podemos encontrar o monumento construído para a memória de uma das pessoas que mais contribuíram ao país. Com uma entrada decorada com jardins e um lago que está no final de uma escada está uma escultura de bronze de uma figura sentada num trono. Alguns dizem que suas façanhas fizeram dele o maior monarca que esteve em Sukhothai. Observamos também na entrada uma placa explicando o que este símbolo para os tailandeses.
Templos en Sukhothai
Wat Trapang Ngoen
Ao oeste do Wat Mahathat e dentro das muralhas do Parque Histórico de Sukhothai podemos encontrar a outo chamado Wat Traphang Ngoen. Dizem que foi construído no século XIV e está situado em frente a um imenso lago. Dos lados há canais nos quais boiam inúmeros lirios e flores de lótus igual que no lago. Com Características semelhantes ao Wat Si Sa, neste caso localizamos mais ao norte encontramos a um Buda sentado num pedestal na frente de uma estátua com forma de lótus . Também veremos uma Prang (Torre do Templo) e um lugar de cerimônias (viharn). Uma grande área, onde encontramos também um Buda do tempo (em pé). Este templo é conhecido como o "Templo do Lago de Prata". Justo do outro lado do lago encontramos o Wat Mahathat. Outro lugar que você não deve perder se você estiver na área. A melhor coisa para mim sobre deste templo é a natureza que o rodeia, se perder nesta área é algo especial. Seus jardins e lagoas cheias de flores são espetacularmente relaxantes.
Templos en Sukhothai
Wat Sri Sawai
Saudações de um viajante. Eu apresento a vocês o Wat Si Sawai, um templo hindu no final do século XII, que estava aqui antes de que Sukhothai fosse a capital da Tailândia. De estilo Khmer consta de 3 Prangs (torres) revestidas com estuque e decorados por várias divindades. Alguns destes fragmentos podem ser também vistos no Museu Ramkhamhaeng. Encontramos também um Chedi e Buda e o Prang Central tem uma galeria ligada diretamente a partir do corredor. Várias colunas antecedem este templo, situado na zona sul, dentro da muralha e cerca de 300 metros do Wat Mahathat. Como a maioria está rodeada por jardins e um lago antes de todo o edifício. De acordo com o que dizem, o príncipe que mais tarde se tornou o rei Rama VI encontrou a pegada de Sayomphú que é o deus hindu mais importante deste templo. Mais tarde se converteria em templo budista. Outro dos templos recomendados para visitar, já que os Prangs são razoavelmente bem preservados e, como eu disse antes, é mais velho do que muitos dos templos encontrados neste parque.
Templos en Sukhothai
THA Pa Daeng Shrine
Construído no final do século XII, pensam que está relacionado aos templos de Angkor Wat, no Camboja de estilo Khmer. De caráter Hindu acredita-se ser o período em que o Rei Suriyavarman II reinou no Camboja entre 1113 e 1150 d.C. Muitos dos objetos valiosos, assim como as figuras de deuses são mantidos hoje no Museu Ramkhamhaeng. Durante os tempos de Rama V, este templo foi incluído nos mapas e está situado perto do portão norte da parede. O Santuário da Divindade, como é conhecido, consiste em um único Prang no final de um corredor com galerias internas sobre uma base em forma de uma flor de lótus. Interessante de ver e, além da quantidade de caminhos para ver os outros santuários ou templos que estão fora das muralhas.
Templos en Sukhothai
Wat Sorasak
Nós chegamos a um dos templos mais emblemáticos do parque. Este wat se destaca dos demais por um estupa cuja base é adornada com imagens de elefantes. Este tipo de estupas são do estilo do Sri Lanka, que foi incorporado a este lugar durante a época da capital Sukhothai. Este conceito baseia-se no elefante, que é o animal principal que defender os templos, assim como também a religião budista por um longo tempo. Ele está localizado muito perto de Ta Pha Doeng um pouco mais ao norte, e foi concebido pelo governador de Sukhothai. Mais tarde, um monge chamado Nai Inthara Sorasak construiu o Chedi para homenagear o governador. Há inscrições em pedra que confirmam o relato. Os membros da família do governador foram convidados para ficar aqui e realizar cerimônias religiosas e outros eventos. Logo atrás do Chedi estava o templo que hoje só restou a base com o princípio das colunas. Em todo o caso, este templo é um pouco diferente, então eu recomendo uma visita. Um templo em que o animal é venerado, que ajudou ao homem por mais tempo, tanto nos trabalhos de campo e, infelizmente, na guerra. Nas fotos você pode encontrar também como era o templo antigamente e como vai ficar quando terminar a reforma. Uma abraço.
Templos en Sukhothai
Wat Phra Pai Luang
Está localizado fora das muralhas da cidade histórica, mas junto ao lado de Wat Mahathat é um dos maiores e importante de Sukhothai. Foi construído no século XII, durante o reinado de Jayavarman VII, rei Khmer também construiu o Angkor Thom. Como muitos outros templos na Tailândia era no inicio de origem hindu e com o passo do tempo passou a ser templo budista. Pouco resta deste templo para que podamos ter uma idéia do que era, mas sua estrutura é como muitos outros templos budistas ao estar alinhados de leste ao oeste com as suas imagens mais importantes de cara para o leste. Vemos também várias imagens de buda, uma sala de oração e algumas Prang que ainda estão de pé. Apenas umas das Prangs você ainda pode ver restos da cultura Khmer. Depois de ver toda a cidade histórica não esperávamos encontrar a 500 metros além das muralhas saindo do portão norte,Porta de San Luang, um templo de semelhante tamanho, mas aparentemente, este templo é ainda mais antigo que a cidade de Sukhothai. Nós ficamos surpresos além de estar acabando nossa rota e depois do calor que fazía que estivéssemos ainda mais cansados.
Centros de Salud en Sukhothai
Massagem tradicional na Cidade Velha
(1)
Se você já está há vários dias sem parar visitando lugares das seis da manhã até às duas da tarde, e como nós você se encontra dentro do Parque Histórico Sukhotai, tenho certeza de que isso vai cair muito bem. No nosso percurso pela cidade, rodeada de muitos templos, ruínas, lagos e jardins, vimos distante uma casinha construída no fundo de um dos templos, com uns cartazes e decidimos aproximar-nos para ver se era um comércio que vendia água, mas “não” era. Era um lugar de massagens, então decidimos que depois que terminávamos de visitar os lugares, essa seria nossa recompensa. E assim foi. Por pouco menos de 5 euros tivemos uma horinha de massagem que caiu perfeitamente, e tudo isso acompanhado do entorno maravilhoso do lugar. Relaxante, sem ruídos, praticamente ao ar livre. Uma passada. Não somente pode ter a massagem de corpo inteiro, mas também é possível dar uma sessão somente de pernas, ou pernas e cabeça. Tinham um bom “cardápio” de massagens. Se me lembro bem, estava muito perto do Wat Mahathat, atrás dele, passando pelo lago que o rodeia. Saímos daqui novos e dispostos buscar outro lugar para comer com os ânimos à flor da pele. Quando fomos, estávamos sozinhos e há pelo menos quatro pessoas para atender, então acho que não é difícil entrar sem fazer fila e, em todo caso, não seria problema porque você sempre pode dar uma volta para ver algo a mais que tenha esquecido. De todas as maneiras, se você está neste lugar, não perca a oportunidade de relaxar e evitar um pouco o calor com uma massagem que te deixará novo.
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai
(1)
Templos en Sukhothai
Templos en Sukhothai
Museus en Sukhothai
Monumentos Históricos en Sukhothai