MINUBE
Continuar na app
Abrir
Aonde queres ir?
Gostas de Nepal ?
Partilha com todo mundo
Entrar com Google +

Reservas Naturais em Nepal

7 reservas naturais em Nepal

Reservas Naturais en Bharatpur
Parque Nacional de Chitwan
(2)
Quando você acredita que, montanhas e rios preencheu sensações, as pessoas descobrem uma parte do país e você, que não sabe. Este homem que cruzamos às 5 da manhã em seu barco para continuar a nossa caminhada no parque exuberante de Chitwan real no sul do Nepal. Provavelmente, você gasta todo o dinheiro que nós damos o álcool como nossos guias nos dizer. Em busca de animais e paisagens perfeitas esta cena torna-se nosso canto favorito que dura apenas um momento. Este parque nacional no sul do Nepal é lar de uma variedade de vida selvagem e tribal comunidades vivendo desde os tempos antigos. Os guias de tribos locais organizaram excursões ao parque nacional. Embora o turismo é bastante desenvolvido neste lugar, maioria dos moradores vive em seu trabalho no campo.
Reservas Naturais en Kathmandu
(4)
Reservas Naturais en Pokhara
The meadows of Annapurna
(1)
Como dizem os locais sobre Nepal "um pouco mais alto, um pouco mais baixo" (ligeiramente para cima, outra pequena descida) e sorrir entre os dentes. Talvez a Anapurna área não é excepção e seus grandes encostas não oferecem nenhuma restrição para que a agricultura é a principal atividade; e a criação de gado, a segunda ocupação. Caminhando entre os picos do Annapurna é para alternar entre vários microclimas mas sempre e até mesmo em campos mais espinhosos de áreas de cevada, milho, trigo ou batata, que você pode ver. Acho que esta é a razão para o significado de Annapurna, que já é em sânscrito ou no hinduísmo, respectivamente, são traduzidos como deusa das colheitas ou deusa da comida e cozinhar
Reservas Naturais en Kathmandu
(1)
Reservas Naturais en Khumjung
Reservas Naturais en Lo Manthang
Reservas Naturais en Khumjung
Acampamento Base do Everest
Depois de 7 dias de caminhada desde Lukla, a 2.800 metros de altura até o Acampamento Base do Everest à 5.400 metros de altura do nível do mar. Foram dias logos com muitas horas de caminhadas, muito sobe e desce e muitas paisagens de tirar o folego. Começamos cedo neste dia e a altitude nos dava uma sensação de cansaço ainda maior. "Um passo por vez" . Andamos por mais ou menos umas 5 horas antes de chegar ao acampamento propriamente dito, um amontoado de barraquinhas perdidas naquela imensidão. A sensação lá é de que estamos em uma terra de gigantes. As coisas ganham outra dimensão. O acampamento fica no final do vale rodeado pelas maiores montanhas do mundo, são paredões de mais de 2 quilômetros, grandes rochas, geleira e um visual inesquecível. A emoção de estar lá foi muito grande. Talvez pelo cansaço, talvez pela conquista, talvez pela realização de um sonho. Mas para mim a emoção veio mesmo foi por está ali junto como minha esposa, por ter sido uma conquista em conjunto. Não era um desejo pessoal está ali, era um desejo nosso. Sozinho não iria, sozinho não faria sentido.