Na app poderás ver muito mais, e bem mais rápido
Download
Aonde queres ir?
Gostas de Alfredo Chaves ?
Partilha com todo mundo
Entrar com Google +

O que visitar em Alfredo Chaves

25 colaboradores

11 lugares que ver em Alfredo Chaves

Cataratas en Alfredo Chaves
Cachoeira de Matilde (Engenheiro Reeve)
(1)
O distrito de Alfredo Chaves, que foi colonizado pelos alemães é conhecido por suas paisagens bucólicas, o que pode evocar paz, porém o lugar está cheio de locações para esportes radicais. A fama de Alfredo Chaves também se deve por suas belas cachoeiras, que atraem turistas de todos os cantos do Brasil. Considerada a maior do estado, a Cachoeira Engenheiro Reeve, é parada obrigatória de quem visita o lugar. A queda d’água oferece muito mais que uma bela locação para selfies e fotos, na Engenheiro Reeve o visitante pode praticar esportes radicais como rapel, se banhar e é claro contemplar a vista estonteante que o lugar proporciona. A cachoeira, que tem mais de 70 metros de altura tem uma beleza que nos faz parar para ouvir o barulho da água em queda e recebeu o nome do engenheiro inglês que planejou e comandou a construção da ferrovia que trouxe fama ao distrito. Assassinado no final do século XIX, o engenheiro ficou eternizado em uma das mais belas quedas d’água do Brasil. Localizada na estrada ES 474, a Cachoeira Engenheiro Reeve (também conhecida como de Matilde) deve ser uma parada obrigatória para quem vai a Matilde e arredores. Informando-se no local, é possível descer aos diversos poços formados antes e depois da cacheira e tomando banho ou não, visitar a cachoeira vale a pena.
Fortalezas en Alfredo Chaves
Matilde
Matilde é um "condado" em Alfredo Chaves. Um lugar que muitos consideram mágico. É uma delícia ir passar um final de semana neste local. Tem a famosa cachoeira, onde já fiz rapel, além de várias outras, tem a estação de trem (que não está mais ativa), o túnel (sobre o qual falei em outro favorito) e a cidadezinha é toda bonitinha, bem pequena. No "meio do mato mesmo". Me lembro de ter visto um orelhão. Um lugar no qual você faz esportes de aventura, trilhas e descansa nas lindas pousadas.
Áreas de Lazer en Alfredo Chaves
Túnel de Matilde
(1)
Parada obrigatória em Matilde é o túnel. Muito conhecido e há placas pela cidadezinha. Pelo túnel passa uma cachoeira e os degraus são altos. Recomendo levar uma lanterna e tomar cuidado com morcegos. Mas quando eu fui não vi nada, graças a Deus! Usei uma sandália de borracha e roupas de ginástica para o passeio. Desça devagar encostando na parede pois os degraus são largos e de pedras irregulares, vá devagar. Muito interessante o local.
De interesse turístico en Alfredo Chaves
Rota Turística Sete Maravilhas
Com diversos atrativos que envolvem emoções e esportes radicais, o município de Alfredo Chaves nas serras capixabas, foi eleito o circuito da aventura dentro do rico Estado. Andando pelas belezas deste recanto do Espírito Santo, podemos observar que a localidade guarda diversas preciosidades históricas e culturais, tanto que a secretaria de turismo convocou moradores e visitantes para eleger as Sete Maravilhas de Alfredo Chaves. Como era de esperar de uma cidade cheia de verde, as belezas naturais se sobressaem na votação e escolha das principais belezas do lugar. Três cachoeiras (Engenheiro Reeve, Vovó Lúcia e Quintino), um vale (São Roque de Maravilha, uma espécie de Matilde em miniatura, com diversas atrações naturais e culinárias para o visitante se esbaldar sem ter que percorrer muitos quilômetros) e duas construções (a Igreja da Sagrada Família e centenária e badalada Estação de Mathilde) formam as Sete Maravilhas, que atraem todo ano milhares de turistas de diversos estados. Assim, o turista pode percorrer as belezas mais famosas da cidade, aproveitar a natureza e realizar circuitos radicais neste município que foi abençoado por suas belezas. Com atrações para todos os gostos, posso dizer que o distrito de Alfredo Chaves possui muito mais que sete maravilhas.
Cataratas en Alfredo Chaves
Cachoeira da Vovó Lucia
Uma das várias cachoeiras que podemos encontrar em Matilde, com local perfeito para tomar um revigorante banho de águas limpas, forte e temperatura ideal. A cachoeira da vovó Lúcia é de fácil acesso, fica bem próxima a estrada de chão em um Vilarejo. Possui duas quedas de água, uma pequena e outra maior. A menor possui uma prainha excelente para banho, principalmente para crianças, pois é bem rasa, e também com areia grossa. É uma cachoeira bem estruturada, possui um ponto de apoio, na qual, o proprietário fornece bebidas e petiscos para os visitantes. É proibido entrar com bebidas, tem que consumir no local. Outra opção é usar as churrasqueiras disponíveis no local e pagar uma pequena taxa, para ajudar na manutenção do local, em média R$30,00 pelo grupo. O lugar é muito bonito, perfeito para relaxar, é uma hidromassagem natural, muito ar puro, sossego e segurança. Fica em Ibitiruí, que fica mais ou menos a uns 20 km da sede. A viagem foi realmente maravilhosa.
Miradores en Alfredo Chaves
Mirante de Matilde
Espírito Santo é um estado que oferece uma variedade de roteiros para todos os gostos, um dos mais famosos do Estado, até mais que as praias, é o circuito das montanhas. Ali, as elevações separam o litoral dos vales oferecendo visuais estonteantes que são comprovados pelos diversos mirantes espalhados pelo Estado (pude comprovar isto em uma viagem de carnaval, pois para evitar o trânsito pesado acabei me embrenhado pelas montanhas capixabas, ao invés de cansaço, saí maravilhado). Um destes excepcionais pontos de observação é o Mirante de Matilde, que fica na estrada 474, bem na entrada da Cachoeira Engenheiro Reeve, que é bem fácil de encontrar, pois você logo notará o volume de carros estacionados. Com uma vista de cair o queixo, o Mirante de Matilde descortina a paisagem do município de Alfredo Chaves, conhecido pela prática do parapente e belas cachoeiras. Lá do alto tudo parece ser pequeno até o Rio Benevente, que serpenteia até a foz. Um dos locais mais belos para se parar e admirar as belezas do estado, o Mirante de Matilde é um programa certo para aqueles que buscam paisagens para inspirar e dar forças pro dia a dia.
Estações de Comboio en Alfredo Chaves
Estação Ferroviária de Matilde
O Estado do Espírito Santo é cheio de surpresas e belezas, uma das muitas que o aquele oferece a seus visitantes é a Estação Ferroviária de Mathilde. Monumento histórico do estado e por que não, do país, a estação faz parte das sete maravilhas do Espírito Santo e tem uma locação bem interessante. Construída do início do século XX, quando o país via as ferrovias como um transporte promissor e econômico, a estação de Matilde fazia parte de uma malha ferroviária que começa no Rio de Janeiro. A estação era o último ponto, ligando a cidade de Matilde (Mathilde na época, o que pode ser comprovado em um letreiro) à Vitória, passando pelo Rio Benevente. Apesar de histórica de badalada, a centenária estação nem sempre foi movimentada, foi somente com a reportagem de uma emissora do país que o lugar entrou na rota de turistas, que em dias claros de verão transitam pelos trilhos da estação em busca dos atrativos locais e belas fotos. Com um museu instalado no lugar, o visitante pode conhecer um pouco mais da história local e se estiver cansado, revigorar as forças em um café que também fica instalado no lugar. A Estação Ferroviária de Mathilde, como podemos ver, oferece uma infinidade de programas, que fazem da mesma parada obrigatória em Alfredo Chaves.
De interesse turístico en Alfredo Chaves
Rota Turística Caminho das Águas
Quando passamos por entre as montanhas capixabas não imaginamos que o lugar esconde quedas d’água tão espetaculares até nos depararmos com uma que nos deixa de queixo caído. Porém, um dos distritos destas montanhas concentra um bom número de diversas quedas que atraem os turistas por sua beleza e possibilidade de praticar esportes radicais, tanto que aquele foi eleito o circuito da aventura dentro do rico Estado. Estamos falando de Alfredo Chaves, que por suas paisagens idílicas, muitas vezes selvagens, fizeram nascer diversos roteiros, dentre estes o Circuito Turístico Caminho das Águas. Com estabelecimentos e localidades impressionantes, o Caminho das Águas está espalhado pelo município, mas precisamente entre os distritos que compõe àquele. Matilde, Carolina, São Roque de Maravilha, Vila Nova de Maravilha, Ibitiruí, São João e São Francisco de Batatal são as localidades que contém as mais belas quedas e cursos d’água do município, proporcionando aos viajantes lugares para diversão e descanso. Dentre as inúmeras quedas, se destacam a Cachoeira Engenheiro Reeve e a Dáros (a primeira em Matilde e a segunda em Carolina), que estão sempre cheias de visitantes. Não obstante, as demais localidades possuem também belas quedas d’água e algumas contam a infraestrutura de hotéis e pousada que possuem cachoeiras particulares. Ao longo da ES 146, vale a pena conferir as belezas desse circuito que junto a prática dos esportes radicais tem posto Alfredo Chaves na rota do turismo.
Cataratas en Alfredo Chaves
Cachoeira Darós
Conhecido por seus atrativos naturais, o distrito de Matilde, que pertence a Alfredo Chaves, é local de aventureiros e pessoas que buscam um maior contato com a natureza. Dentre os atrativos de Matilde, são suas cachoeiras, tanto que foi criado o “Caminho das Águas”, que classifica as quedas d’água mais procuradas na região. Uma destas, que sempre fica cheia nos feriados, é a Cachoeira Darós, localizada em Matilde, perto de Carolina. Para se chegar a mesma, o visitante deve seguir em direção a Matilde, pela ES 146 ou 383, que vai chegar a ES 474. Chegando a cidade você deve seguir a diante. Ao Passar por Carolina, você deve ficar atento a segunda saída à esquerda em direção a Pousada Águas de Pinon. Na realidade uma das entradas para a cachoeira é feita pela pousada, porém não apropriada para todos pois o caminho é mais difícil que o habitual, mas muitos preferem por ser mais fácil de se orientar. Com espaço coberto por areia e águas bem calmas, o lugar é muito frequentado por famílias que buscam se divertir e refrescar nesta bela atração do município de Alfredo Chaves.
Igrejas en Alfredo Chaves
Igreja de Santo André
Com diversos atrativos naturais, o município das Montanhas Capixabas de Alfredo Chaves é muito procurado por aqueles que desejam entrar com contato com o verde ou realizar esportes radicais. Com diversas quedas d’água, hotéis fazendas, mirantes e rampas de voo, é natural que outros atrativos fiquem desconhecidos. Mas na última década, outras atrações, com cunho mais cultural têm entrado em evidência, como o complexo da Antiga Estação de Mathilde e as igrejas. Estas, são inúmeras, tanto que andando pelos vales de Alfredo Chaves e Marechal Floriano, as capelas são pontos de referência para se chegar a um ponto turístico ou povoado. Umas das muitas que avistei e tive vontade de parar para verificar por perto, foi a Igreja de Santo André, que fica no entroncamento entre Alfredo Chaves, Matilde e Marechal Floriano. Se destacando no verde, a bela e singela capela data do século XIX, quando em 1884 foi erguida por imigrantes italianos. Emoldurada pela natureza tão peculiar à região, a Igreja de Santo André vale uma visita, nem que seja para contemplar a beleza da construção, ou sentir o clima de tranquilidade que a locação proporciona.
Igrejas en Alfredo Chaves
Igreja de Iriritimirim
Lembrado por muitos pelos seus atrativos naturais, Alfredo Chaves, é local de aventureiros e pessoas que buscam um maior contato com a natureza, que com suas quedas d’água e roteiros de ecoturismo fazem os amantes natureza ir a loucura. Nos últimos anos, porém, outras atrações, com cunho mais cultural têm entrado na rota turística, tal como o complexo da Antiga Estação de Mathilde e as igrejas. Estas são numerosas, tanto que andando pelos vales de Alfredo Chaves e Marechal Floriano e o distrito de Araguaia, as capelas são pontos de referência. A presença da imigração é bem marcante nesta parte do estado e tudo converge para a história destes que vieram atraídos pela promessa de uma vida melhor nas Américas, até mesmo na religiosidade. A Igreja de Iriritimirim, ou Capela de Iriritimirim é um destes exemplos. Fundada em 1911, a capela é um destes exemplos de construções italianas, tanto que a fundação desta se deve aos imigrantes que construíram parte da nossa cultura. Perto da cidade de Araguaia, a pequena capela é um belo exemplo de um templo do campo, exaltando ainda mais o bucolismo da paisagem. A beira da estrada, a Capela de Iriritimirim vale a sua visita quando passar pelas serras capixabas.